Modelos estruturais/funcionais no âmbito Osteopático: raciocínio clínico e tratamento salutogênico.


Christian Lunghi

D.O.

Christian Lunghi trabalha como osteopata e naturopata em Roma (Itália). Ele é membro do Conselho Italiano do Centro da Fundação de Colaboração de Medicina Osteopática (COME), e membro do Comitê de Pesquisa e do Conselho Nacional de Exames e do Grupo de Trabalho de Competências Essenciais do Registro Italiano de Osteopatas (ROI) . Ministra palestras sobre raciocínio clínico osteopático. É autor e co-autor de livros e publicações em periódicos indexados.



Co-autor dos livros:

- Hruby, R; Tozzi, P; Lunghi, C; Fusco, G. The Five Osteopathic Models: from an evidence-based to a person-centered Osteopathy. Handspring, 2018.
- Lunghi, C; Baroni, F; Alò, M. Il ragionamento clinico osteopatico. Trattamento salutogenico e approcci progressivi individuali. Edra, 2017.



Co-autor dos artigos científicos:

- Lunghi, C; Baroni, F. Cynefin Framework for Evidence-Informed Clinical Reasoning and Decision-Making. The Journal of the American Osteopathic Association, Vol. 119, 312-321, 2019.

- Luciani, E; Consorti, G; Van Dun, P; Merdy, O; Lunghi, C; Petracca, M; Esteves, J; Cerritelli, F. An overview of osteopathy graduates’ perceived preparedness at transition from educational environment to clinic environment one year after graduation: a cross sectional study. BMC Medical Education. vol 18, 319, 2018.

- Lunghi, C; Tozzi, P; Fusco, J. The biomechanical model in manual therapy: Is there an ongoing crisis or just the need to revise the underlying concept and application? Journal of Bodywork and Movement Therapies. Volume 20, Issue 4, October 2016, Pages 784-799

- Mancini, D; Cesari, M; Lunghi, C; Benigni, A; Incalzi, R; MD, Scarlata, S. Ultrasound Evaluation of Diaphragmatic Mobility and Contractility After Osteopathic Manipulative Techniques in Healthy Volunteers: A Prospective, Randomized, Double-Blinded Clinical Trial. Journal of Manipulative and Physiological Therapeutics, 2019.

- Sciomachen, P; Arienti, C. Bergna, A; Castagna, C; Consorti, G; A, Lotti; Lunghi, C; Longobardi, M. International Journal of Osteopathic Medicine 27, 2018.



Co-autor dos capítulos de livros:

- Zavarella, P; Zanardi, M; Lunghi, C. Fascia and posture: from the biomechanical model to the neuromyofascial postural model. In:______Fascia in the Osteopathic Field. Hansdpring, 2019.

- Lunghi, C; Raab, C. Principi osteopatici applicati alla pediatria. In:_____La Medicina Osteopatica in Pediatria. Edra, 2019.



Objetivos do curso:

O processo de integração da osteopatia no sistema de saúde está vinculado à definição de habilidades distintas, bem como às funções que caracterizam a profissão em termos de resolução de problemas prioritários de saúde e qualidade dos serviços de saúde. Os princípios osteopáticos, agora renovados graças à construção de modelos osteopáticos, são a essência que faz da osteopatia uma profissão única que cuida da pessoa. O curso é uma oportunidade para compartilhar entre profissionais de osteopatia já treinados, estudantes de osteopatia dos últimos anos do curso, professores de osteopatia, sobre tópicos como raciocínio clínico e tomada de decisão osteopática, para esclarecer o papel do profissional dentro de uma processo de tratamento osteopático profissional e interdisciplinar. Durante o curso serão abordados:

- Avaliação osteopática das alterações generalizadas ou localizadas no sistema músculo-esquelético-neuro-visceral-fascial relacionadas à capacidade adaptativa individual e à funcionalidade de estruturas e funções em diferentes sistemas de auto-regulação (biomecânica, neurológica, circulatória-respiratória, metabólica-energética, biopsicossocial )

- Tratamento osteopático da integração de abordagens maximalistas (técnicas adaptogênicas sistêmicas de modulação de função), minimalista (técnicas de tratamento da (s) disfunção (s) somática (s)) e de manejo contínuo (exercícios osteopáticos, conselhos sobre nutrição e estilo de vida, encaminhamento para outros profissionais ) proposto por cada modelo.


Programação

Dia 1 (8 horas). Raciocínio baseado nos princípios.

- Osteopatia: uma prática baseada em tradição, pesquisa, pensamento crítico e arte (sessão teórica)
- Saúde: modelo adaptativo (sessão teórica)
- Resposta adaptativa individual e alterações do sistema músculo-esquelético-fascial-neuro-visceral: adaptação local (disfunção somática) e geral (padrões de compensação fascial / padrões do compartimento fascial e respostas da dinâmica de fluidos biológicos e ritmos involuntários) (sessão prática).


Dia 2 (8 horas). Processo de tomada de decisão: seleção e integração da estrutura/função dos cinco modelos osteopáticos

- seleção e integração de modelos, testes globais, regionais, locais, de gravidade disfuncional, de interdependência estrutura/função (sessão teórico-prática).
- tratamento racional (minimalista em condições de adaptação local e/ou maximalista em condições de adaptação geral, associado a abordagens sintomáticas locais, segmentares e globais) (sessão teórico-prática).


Dia 3 (8 horas) Modelos osteopáticos focados na pessoa (Biomecânica, Neurológica, Circulatória-Respiratória, Metabólica-Energética, Biopsicossocial)

- Introdução
- Antecedentes
- Objetivos
- Indicações e contra-indicações e eventos adversos (parte teórica)
- Exemplos de integração de diferentes modelos em um plano de tratamento realizado com abordagens maximalistas, minimalistas e sintomáticas associadas a conselhos e exercícios nutricionais (parte prática).
- considerações finais (mesa redonda de discussão).
Nota: não podendo tratar em detalhes, em três dias, todas as abordagens maximalista e minimalista característica de cada modelo teórico, a modalidade utilizada para aprender os princípios das técnicas a serem reproduzidas em sua prática clínica será a do "Cenários de aprendizagem integrados":
- primeira fase da discussão em plenário de casos clínicos
- segunda fase, com sessão de prática de um tratamento ou plano de tratamento através de técnicas consistentes com o caso descrito.Se necessário, de acordo com o acordo entre os participantes, diferentes abordagens de integração entre modelos aplicados a um contexto clínico serão descritas e praticadas. Os exemplos de técnicas utilizadas na prática de tratamento de cada caso clínico e os selecionados para descrever a aplicação de modelos osteopáticos serão escolhidos juntamente com os alunos entre:
- Modelo biomecânico (abordagens sistêmicas maximalistas: tratamento osteopático geral no campo B (revisão e aplicação de desenrolamento de torque - (total body adjustment - técnicas de Neidner; abordagens minimalistas: revisão e aplicação de técnicas Still - balanced ligamentous tension - técnica de ajuste específica);
- Modelo comportamental / biopsicossocial: relacionamento empático e abordagens interoceptivas (integração maximalista / minimalista: liberação posicional dinâmica); - Modelo neurológico (abordagem maximalista: tratamento osteopático geral no campo N (por exemplo, técnicas de compressão à tração, abordagem da fáscia da meníngea) abordagem minimalista: inibição dinâmica da técnica neuromiofascial, integração maximalista/ minimalista: liberação posicional dinâmica);
- Modelo respiratório-circulatório (abordagens sistêmicas maximalistas: tratamento osteopático geral no campo R-C [impacto vascular-respiratório-linfático]); abordagens minimalistas: técnicas vascular-respiratórias-linfáticas específicas);
- Modelo Metabólico-Energético (abordagens maximalistas sistêmicas: tratamento osteopático geral no campo EM [isto é, revisitação e aplicação de técnicas harmônicas aplicadas às atividades nervosas entéricas]; abordagens minimalistas específicas: abordagem para revisitação de quadrantes abdominais e regiões torácicas com aplicação de técnicas Still no domínio visceral);
- Abordagens progressivas individualizadas para o manejo contínuo da pessoa (aconselhamento nutricional e exercício em osteopatia).


Faça a sua matrícula agora!

Preencha os campos corretamente, o nome contido no cadastro será o mesmo para o certificado final.

Preencha os dados abaixo

*Todos os campos são obrigatórios






Forma de pagamento

Em caso de dúvidas, entrar em contato com o setor financeiro através do e-mail:
financeiro@cbosteopatia.com.br (Atendimento somente por e-mail)


Finalizar Matrícula

Ao clicar em Enviar, seus dados serão enviados ao setor financeiro e em breve você receberá seu boleto para pagamento. Após realizar a inscrição devidamente, será enviado um boleto referente ao valor da entrada. A vaga no curso é garantida somente após o pagamento da entrada. As demais parcelas serão enviadas para que sejam quitadas nos meses subsequentes.


• O parcelamento do curso em 06 vezes, somente é válido para as inscrições confirmadas até o dia 10 de dezembro de 2019.

• Para inscrições realizadas após 10/12/2019, o número de parcelas reduz progressivamente, sendo que o investimento total deve ser quitado até 10/05/2020.

Multa por desistência – caso ocorra a desistência do curso por parte do contratante, será cobrado o valor da taxa de matrícula e mais 30% do valor investido até a data de desistência.

• Caso o curso não seja confirmado, o valor total investido é ressarcido ao inscrito.

A confirmação do curso ocorrerá quando houver o número mínimo de inscritos. Os mesmos serão avisados por email quando houver a confirmação. Recomendamos que sejam feitas reservas de passagens e de estadias em hotéis somente após confirmação.

Matrículas 2020